Em tratamento de câncer, Vadão, ex-técnico da seleção feminina, está internado na UTI do Einstein

Foto: Sergio Moraes/Reuters

Oswaldo Alvarez, o Vadão, está internado no Hospital Albert Einstein, na cidade de São Paulo.

O treinador está hospitalizado desde a semana passada na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) devido a complicações de um câncer no fígado.

Vadão, tem 63 anos, trata da doença desde o início do ano, quando passou por sessões de quimioterapia e chegou a apresentar evolução, mas o quadro se agravou recentemente.

O último trabalho de Vadão foi pela seleção brasileira de feminina, de onde foi demitido em julho de 2019 depois da Copa do Mundo.

Ao longo da carreira como treinador, ele também teve passagens marcantes por São Paulo, onde lançou Kaká no time profissional, Atlético-PR, Guarani, Ponte Preta, Corinthians, Mogi Mirim, entre outros clubes.

Vadão comandou o XV de Piracicaba no ano de 1995, no qual conquistou o título do Campeonato Brasileiro da Série C do mesmo ano, sendo seu primeiro título na carreira do treinador. Nas redes sociais o clube  passou mensagem de apoio ao treinador.

Alvinegro Piracicabano torce pela recuperação do vitorioso treinador. Estamos com você, professor! #ForçaVadão

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.