Erison celebra gol que ajudou na classificação e bom momento, às vésperas das quartas de final

Foto Crédito: Michel Lambstein

Com 3 gols no Campeonato Paulista da Série A2, esse é o garoto Erison, revelado nas categorias de formação do XV de Piracicaba.

Seu primeiro gol como profissional aconteceu na vitória do Nhô Quim em cima do Atibaia, em Americana. O segundo gol aconteceu no Barão, diante do RBB, em mais uma vitória da equipe. O gol até então mais importante para o jogador, aconteceu no domingo, 30 de agosto. O XV de Piracicaba perdia o jogo, para o Penapolense na primeira etapa e naquele momento estava sendo eliminado. Evaristo Piza, no intervalo colocou o jogador que não se intimidou com a pressão e chamou a responsabilidade para si, fez o gol de empate e ajudou a colocar o clube nas quartas de final da Série A2.

“A sensação foi ótima. Eu acho que o grupo merecia essa classificação, pelo o que vinha fazendo ao longo das semanas. Nós colocamos na cabeça que tínhamos que fazer o resultado aqui, para conquistarmos a vaga, e acredito que chegaremos ainda mais fortes nesta nova fase da competição”, lembrou Erison.

Nas quartas de final, o adversário será a Portuguesa, em dois jogos. O primeiro na próxima segunda-feira (07), no Barão da Serra Negra, às 17h30. O segundo jogo está marcado para o estádio do Canindé, dia 14 de setembro, às 17h00.

“Nós temos uma semana cheia para corrigirmos nossos erros, aquilo que estamos fazendo no dia a dia, para, quando chegar a partida, estarmos preparados”, falou Erison, autor de três gols no estadual. “Eu venho em uma fase boa, estou trabalhando para isso, com os pés no chão sempre. Imagino que teremos dois jogos muito difíceis, porém sei da qualidade do nosso grupo. Vamos com o pensamento de fazer valer o fator casa nessa primeira partida”, analisou.

Para concluir, o atacante enfatizou a importância do elenco todo. “Eu sempre estou preparado para, quando entrar, dar meu máximo e, se possível, fazer a diferença. Muitos treinadores já me passaram isso, que no momento que surge a oportunidade, você tem que fazer valer, e não somente entrar por entrar. Mesmo no banco, é necessário estar focado e atento para contribuir com o time, como foi no último domingo”, comentou o jovem atleta de 21 anos.

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.