Palmeiras 99 anos.

No dia 26 de agosto de 1.914, nascia um dos maiores clubes do futebol brasileiro o Palestra Itália, fundado por imigrantes italianos na cidade de São Paulo.


As cores do Palmeiras são o verde e branco, mas no ano de 1914, existia a cor vermelha também que foi excluída durante a Segunda Guerra Mundial, pressão do governo nacional e com isso a mudança de nome de Palestra Itália para Sociedade Esportiva Palmeiras.

O seu mascote é o Periquito, e carinhosamente chamado pelos torcedores de Porco. O Palmeiras mandou sempre seus jogos no Estádio Palestra Itália, popularmente conhecido como Parque Antártica, por causa da Companhia Antarctica Paulista que tinha um espaço de lazer de 300 mil metros quadrados para seus funcionários, próximo a fábrica, que com a chegada do futebol, o espaço foi tomando conta do local.

A inauguração do Palestra Itália aconteceu no dia 03 de maio de 1902 entre Mackenzie 2 x 1 Germânia. O público recorde neste estádio foi no dia 18 de agosto de 1976, entre Palmeiras 1 x 0 XV de Piracicaba, que recebeu 40.283 torcedores (35.913 pagantes).

Os anos foram se passando e o Palmeiras viveu no seu estádio momentos de alegrias e de tristeza. Grande nomes passaram pelo gramado, onde o Verdão mandava seus jogos.

Em 30 de julho de 2008, foi aprovado pelo Conselho Deliberativo do Clube, um projeto de reforma no estádio que receberá também um novo nome Allianz Parque e terá capacidade para receber 45 mil torcedores, contará ainda com anfiteatro para 12 mil pessoas, centro de convenções, restaurantes, praça de alimentação e lanchonetes. 15 elevadores e 3 conjuntos de escadas rolantes, 160 camarotes, 2 vestiários padrão FIFA e muito mais.

A Sociedade Esportiva Palmeiras sempre teve grandes nomes em seu elenco, tanto de no início dos anos 60, era chamada de Academia de Futebol em virtude da apresentação de sua equipe nos gramados.

Entre os craques que vestiram a camisa verde e branca, aturam Ademir da Guia, Dudu, Julinho Botelho, Djalma Santos, Luis Pereira, Leivinha, César, Émerson Leão, Marcos, Veloso, Edmundo, Zinho, Evair, César Sampaio, Antonio Carlos, Roberto Carlos, Valdemar Carabina, Chinesinho, Edu Bala, Valdir de Moraes, Ferrari, Tupãzinho, Geraldo Scotto, Euller, Muller, Mazzola, Nascimento, Junqueira, Bianco, Lima, Zequinha, Paulo Nunes, Alex, Arce, Cléber, Júnior, Oséas, Jorge Mendonça, entre outros que fizeram cada ano que passaram marcaram sua história nesse grande clube brasileiro.

Os títulos, não param por ai, foram vários, entre os mais importantes a conquista em 1999 da Copa Libertadores da América.

 

Confira a lista:

 

Internacionais:

 

Copa Libertadores da América 1999
Copa Sul-Americana Mercosul 1998

Nacionais:

 

Campeonato Brasileiro: 1960, 1967 (Taça Brasil), 1967, 1969 (Torneio Roberto Gomes Pedrosa), 1972, 1973, 1993, 1994
Copa do Brasil: 1998 e 2012 (invicto)
Copa dos Campeões: 2000

 

Títulos Honoríficos

 

Campeão das Cinco Coroas: 1950/51
Campeão do Século XX

 

Interestaduais

 

Torneio Rio-São Paulo: 1933, 1951, 1965, 1993, 2000
Taça dos Campeões Rio-São Paulo: 1926, 1934, 1942, 1947

 

Estaduais

 

Campeonato Paulista: 1920, 1926 (invicto), 1926/27 (extra), 1927, 1932 (invicto), 1933, 1934, 1936, 1938 (extra), 1940, 1942, 1944, 1947, 1950, 1959 (supercampeão), 1963, 1966, 1972 (invicto), 1974, 1976, 1993, 1994, 1996, 2008

Taça Competência: 1920, 1926, 1927, 1932
Torneio Início do Campeonato Paulista: 1927, 1930, 1935, 1939, 1942, 1946, 1969
Taça Cidade de São Paulo: 1945, 1946, 1950, 1951
Taça Laudo Natel: 1972

O Verdão viveu nos anos 90 a sua melhor época conquistando títulos como Brasileiro e Paulista que tinha no comando técnico Vanderlei Luxemburgo e uma máquina em suas mãos, jogadores consagrados, como Rivaldo, Muller, Luizão entre outros no Campeonato Paulista de 1996 chegou a 102 gols, em 30 jogos disputados. A gestão de futebol era comandada por uma empresa Italiana a Parmalat que fizeram do time um dos mais consagrados de todos os tempos.

Em 2002, o Palmeiras caiu para a segunda divisão do futebol brasileiro, retornando no ano seguinte. Mas a lição de má administração não serviu para o futuro e novamente mais um rebaixamento manchou a linda história desse clube, isso aconteceu no ano passado em 2012.

Agora com Paulo Nobre na diretoria, o clube está tomando um novo rumo, pois precisa estar sempre entre os melhores, pois lá é seu lugar.

Parabéns a Sociedade Esportiva Palmeiras pelos seus 99 anos de existência e a toda a torcida que é apaixonante.

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.