XV de Piracicaba finaliza e envia demonstrações financeiras para a FPF.

Acontece na noite desta sexta-feira, 29 de abril no Barão da Serra a reunião do Conselho Deliberativo, que definirá o futuro do XV de Piracicaba, se Rodrigo Boaventura (Presidente) e Renato Bonfiglio (Vice e Diretor de Futebol), aceitam o acordo de renunciar, ao cargo. A reunião começa às 19h.

Ontem o XV de Piracicaba finalizou o processo de auditoria das suas demonstrações financeiras e enviou toda a documentação para a FPF (Federação Paulista de Futebol) nesta semana, cumprindo assim as exigências da lei federal nº 9.615, conhecida como Lei Pelé.

Para a realização dessa tarefa, o clube contratou os serviços da empresa Unity Auditores Independentes, de São Paulo. A prática faz parte da política de transparência da diretoria quinzista para com a cidade, seus patrocinadores e torcedores.

O cumprimento de tal medida vale ao Alvinegro Piracicabano três pontos no Programa de Excelência da FPF, que tem como principal objetivo premiar as boas gestões dos clubes de futebol do estado de São Paulo. “Essa é uma obrigação, sem dúvida, mas vale sempre ressaltar esse trabalho de transparência, uma vez que são poucos os que cumprem o prazo estipulado por lei”, disse o presidente Rodrigo Campos Boaventura.

Em 2015, o Nhô Quim foi um dos poucos a cumprir o prazo estipulado para divulgação do balanço financeiro. Além disso, o material foi disponibilizado no site oficial do clube e também divulgado em jornal local, tornando assim pública e acessível as contas da administração executiva.

A atitude será repetida neste ano. O material está acessível no site oficial do clube (http://www.xvpiracicaba.com.br/wp-content/uploads/2016/04/balanco-financeiro-2015.pdf) e também será publicado em jornal local.

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.