XV recebe moção de aplausos pelo troféu Ouro do Programa de Excelência da FPF

Foto Crédito: Fabrice Desmonts

Na noite da última quinta-feira, 26 de setembro, a diretoria do XV de Piracicaba recebeu, na Sala da Presidência da Câmara de Vereadores de Piracicaba, a moção de aplausos 46/2019.

O ato solene entregue pela vereadora Adriana Cristina Sgrigneiro Nunes, a Coronel Adriana, se deve ao troféu Ouro do Programa de Excelência 2018 da FPF.

Estiveram representando o Alvinegro Piracicabano, o presidente Arnaldo Bortoletto, pelo diretor jurídico Fábio Ferreira de Moura e pelo diretor de patrimônio Carlos Longatto.

Este foi o segundo ano consecutivo que o XV de Piracicaba foi agraciado nesta categoria, além de ter recebido o prêmio na categoria Prata na primeira edição, todas na gestão do ex-presidente Celso Christofoletti e do seu então vice e atual diretor de futebol, cargo que acumulava na época, Ricardo Moura. São levados em conta quesitos como categorias de base, como o Certificado de Clube Formador na categoria A, e os resultados em campo.

Outros fatores analisados pela Federação Paulista de Futebol são as ações administrativas, de marketing e social. O Nhô Quim levou, ao lado de oito agremiações, 80 mil reais pelo feito. “É um motivo de alegria receber o grau Ouro e, agora, a moção de aplausos, pois mais de 50 clubes concorreram nas três categorias. É um prêmio que faz cobrar de nós mesmos. Há uma pontuação e a cada ano temos que conseguir melhorá-la”, comentou Bortoletto.

O programa foi criado em 2015 e segue as agremiações paulistas ao longo do ano. A FPF faz um acompanhamento mensal de cada equipe por meio de relatórios. Cada um compete consigo mesmo e o desempenho é avaliado de acordo com a própria evolução. A premiação em dinheiro vai de acordo com a classificação final. “Esperamos neste ano obter novamente esse grau, porque reflete um trabalho de transparência”, completou o mandatário quinzista.

“O XV tem em sua diretoria um grupo de pessoas extremamente qualificadas, que demonstram compromisso e amor pelo clube. O Conselho Deliberativo e a diretoria são muito comprometidos, assim como as categorias de base. O XV, como um dos únicos do interior que conseguiram o grau Ouro, nos enche de orgulho”, disse Coronel Adriana, que é conselheira do Alvinegro Piracicabano há seis anos, em relação aos responsáveis por gerir o Nhô Quim.

Publicidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.